sexta-feira, 15 de julho de 2016

Maná todos os dias

                                                 A historia nos conta que o povo de Israel, ficaram mais de 400 anos sendo escravos no Egito, apanhavam, havia restrição de água e oraram a  Deus interviu naquela situação enviando Moisés, depois de entrar no Mar vermelho a seco, e ver todo exercito de faraó sendo devorado pelo mar, o povo não trabalhava mais, viver agora para desfrutar a vida e as promessas de Deus, mas como o ser humano é fraco, acabou a água, começou a murmuração  ao Senhor. No ano de 2015, não trabalhei de carteira assinada, foi prestar serviços voluntários, com a doença da minha mãe passei a entender que tudo tem um proposito, em meio a tempestade agente não consegue visualizar o proposito de Deus da vida de cada um, a cada manha pedia ao Senhor que me concede força para ajudar a minha mãe, mas que estava sendo ajudada era eu, pois estava buscando intensamente na palavra a resposta do milagre, os dias que eu trabalhava recebia cartinhas e bilhetes das crianças, palavras de admiração e eram tão confortantes, era como se eu sai-se para fazer uma visita e eu era visitada, quando você planta o bem, chegará colheita. Uma amiga veio em minha casa me presentear com uma lembrança, mas o melhor presente foi ela ter vindo em minha casa, pois eu em meio a minha dor, não tive forças de ir a casa dela, foi como o maná do céu que o povo de Israel, recebia todos os dias, as maiores mensagem você pregar em silencio, sendo ensinado pelo Espirito Santo.Teve um dia que estava ouvindo o hino de Soraya Moraes, quão grande é meu Deus, senti que como se eu tivesse sendo abraçada por Deus: me dizendo: Não Temas!!